DIRETORIA   ESTATUTO   REGIMENTO   POLÍTICA DO SITE   FALE CONOSCO   ESPAÇO CIDADÃO  
   
   
PRINCIPAL
INSTITUCIONAL
JURÍDICO
NOTÍCIAS
ARTIGOS
MÍDIA OFICIAL
GALERIA DE FOTOS
PRESTAÇÃO DE CONTAS
ESPAÇO DO ASSOCIADO
APOSENTADORIA ESPECIAL
AOJUS RESPONDE
REAJUSTE SALARIAL
AGENDA
CURSOS
ENQUETES
ASSOCIE-SE
RECADASTRAMENTO
VOTAÇÕES
CONVÊNIOS
LINKS
MAPA DO SITE
ESPAÇO CIDADÃO
CAMPANHAS
 
LUTA CONTRA A REFORMA ADMINISTRATIVA SEGUE PERMANENTE NO CONGRESSO NACIONAL

Sexta-feira, 19 de novembro de 2021

Servidores e servidoras públicas de todo o país, entre eles os Oficiais de Justiça, estiveram em Brasília desde a última terça-feira (16) para a mobilização permanente contra a Reforma Administrativa.
 
Pela décima semana consecutiva, atos foram realizados no aeroporto e na frente dos anexos da Câmara e Senado Federal, desta vez, não apenas contra a PEC 32, mas também no combate à PEC dos Precatórios.
 
Atividades culturais como marco do Dia da Consciência Negra fizeram parte das ações da semana, bem como, a manutenção das visitas aos deputados indecisos quanto à aprovação da Reforma Administrativa.
 
A Fenassojaf integrou o trabalho da semana através da vice-diretora financeira Kelma Lara Costa Rabelo Lima. Na avaliação da dirigente, foram dias bastante produtivos na conscientização dos parlamentares quanto aos prejuízos trazidos pelas PEC 32 e 23, tanto ao serviço público como para a sociedade.
 
“Por isso a necessidade de a categoria se manter atenta e mantermos esse trabalho de ação junto aos parlamentares, tanto com Brasília como em suas bases nos estados. Nossa intenção é fazer com que a Reforma não seja pautada ainda nesse ano para que tenhamos tempo e mais força para acabar com ela de uma vez por todas”, pondera.
 
A Oficiala de Justiça e coordenadora geral do SINDJUFE-MS, Márcia Pissurno, participou da atuação e avalia que a atuação desempenhada em Brasília contra a PEC 32 é trabalho de resultado, preparo, convencimento constante dos parlamentares e, principalmente, é trabalho de equipe.
 
“Temos apoio de servidores que não podem vir à Brasília mas cuidam das redes e montam as listas de visitas que fazemos, o Luiz Filipe da Queiroz Assessoria tem um papel muito importante também porque conhece os deputados, sabe como pensam, nos aponta quem é quem nos corredores. Isso tudo, acontece porque somos um grupo, conversamos com colegas de todo país, servidores de outras categorias, nossa união foi imprescindível!”.
 
As dirigentes ressaltam que a luta não acabou, “não temos um dia de paz, as equipes precisam continuar o trabalho até o encerramento do ano legislativo!”, finaliza Márcia.

Fonte: Fenassojaf


0 comentário(s) |